1/15

Há duas formas de harmonizar vinhos e comida. A primeira é por similaridade, quando a estrutura do prato – acidez, doçura, intensidade – é proporcional à da bebida.

 

 

Exemplo disso são os peixes e frutos do mar acompanhados por vinhos mais ácidos, como o Sauvignon Blanc. Já na harmonização por contraste, é possível "casar" bebidas doces com petiscos ou receitas salgadas, como ocorre na combinação de vinhos brancos com queijo roquefort.

 

 

Para acompanhar os pratos, o La Doc conta com uma adega climatizada que abriga mais de 150 rótulos, minuciosamente selecionados por especialistas.

CARTA DE VINHOS E BAR